Corinthians responde sobre dívida com o Argentinos Juniors

Em um período difícil para o elenco do Corinthians, Fausto Vera está enfrentando cobranças públicas por parte do Argentinos Juniors (ARG) devido a atrasos nos pagamentos relacionados à aquisição dos direitos econômicos do meio-campista.

Em uma entrevista ao portal ‘MeuTimão‘, o diretor financeiro do clube paulista, Wesley Melo, reconheceu que ainda existem pendências em relação aos repasses programados para o time argentino.

“Ele foi um alto investimento, foi nosso grande investimento. Quando o Vítor Pereira indicou, ele insistiu muito para contratarmos…”

” O Duilio falava comigo sobre investimento, me comunicava. Eu dizia que era muito dinheiro. Dava para fazer, mas estávamos apertados. Foram muitos dias dele insistindo. A gota d’água foi ele dizer que se vendesse ganharíamos o triplo do preço. Fizemos uma dívida maior por ele”, disse.

Prejuízo

O Corinthians desembolsou aproximadamente R$ 40 milhões por 70% dos direitos econômicos de Fausto Vera. O contrato do volante com o Parque São Jorge vai até 30 de junho de 2026. Esta não é a primeira vez em 2023 que a relação entre o Corinthians e o clube de Buenos Aires fica abalada.

A diretoria paulista quitou, em 30 de junho, uma parcela atrasada no valor de 750 mil dólares (cerca de R$ 3,6 milhões). Essa dívida também chegou à Fifa e poderia afetar o registro do também argentino Matias Rojas, contratado no segundo semestre.

O Timão volta a campo contra o Bahia no próximo dia 24, na Neo Química Arena, pela 35° rodada do Campeonato Brasileiro tentando se livrar de vez das últimas posições na tabela.

Comentários estão fechados.