Departamento médico do Corinthians traz situações atualizadas

O Corinthians têm passado por momentos complicados quando se diz respeito à lesões. Apesar de contar com o retorno de Maycon, Fernando Lázaro segue sem poder ter em seu plantel outros três meio-campistas: Cantillo, Fausto Vera e Maycon, além do atacante Gustavo Mosquito, que está machucado desde o ano passado.

O colombiano se lesionou na partida contra o Guarani, na última terça-feira (24), após cerca de 15 minutos em campo. Nos exames, foi constado lesão de grau 2 no músculo posterior da coxa direita, com previsão de volta entre oito e dez semanas, à depender do nível de aceleração da recuperação.

Maycon também se lesionou contra o Guarani. Com apenas 27 minutos do primeiro tempo, o volante deu lugar para Roni. Diferentemente de Cantillo, a lesão do camisa 7 foi de grau 1, no músculo posterior da coxa esquerda. Da mesma forma, o departamento médico do Corinthians entende que a melhor opção não é acelerar a recuperação, visto o histórico recente de lesões do atleta.

Por último, Fausto Vera foi o que menos atuou nesta temporada pelo Corinthians. O atleta se machucou aos 45 minutos do primeiro tempo da partida de estreia, contra o Red Bull Bragantino. O argentino sofreu trauma no tornozelo esquerdo e segue de fora das opções de Fernando Lázaro. Apesar de ter avançado em sua recuperação, o atleta ainda sente alguns desconfortos na área.

A semana livre é foi vista com bons olhos pelo Corinthians, visto que tem elenco mais experientes e com condição física menor. Os laterais Fágner (33 anos) e Fábio Santos (37 anos) e o meio-campista Giuliano (32 anos) entraram em todas as partidas do clube do Parque São Jorge. O respiro na semana também será utilizado para realizar trabalhos de recuperação.

Agora, o Corinthians terá o Botafogo-SP pela frente, no próximo domingo (05), às 18h30, na Neo Química Arena.

Comentários estão fechados.