Ídolo do São Paulo “zikou” o Flamengo e agora diz que Corinthians será rebaixado

Cicinho, ex-jogador e ídolo do São Paulo, ofereceu sua análise sobre a temporada atual do Corinthians. Durante uma declaração no programa “Arena SBT”, o comentarista expressou críticas em relação ao desempenho da equipe comandada por Mano Menezes e afirmou que o Alvinegro acabará sendo rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

“O Corinthians não tem repertório, não está sabendo sair da dificuldade. O Mano não deu uma nova cara para o Corinthians. Desde o início do ano, é dependente do Renato Augusto, se ele não está bem, o Corinthians não joga. Não tem reservas à altura para auxiliar esses jogadores”, iniciou.

“O Corinthians é escravo de um esquema tático. Uma prova disso foi o jogo contra o São Paulo, que marcou o Renato Augusto e deitou no jogo. O Corinthians está pecando nisso. E de onde vai tirar esse fôlego para a reta final? Eu acho que o Corinthians cai para a segunda divisão”, finalizou Cicinho.

No início do ano, no mesmo programa, Cicinho criou uma enorme polêmica nas redes quando fez uma previsão nada favorável do que seria o ano de 2023 do Flamengo.

Esse próximo ano, o Flamengo não ganha nem o Carioca, pode contratar qualquer jogador. Com o Vítor Pereira, “trairagem”, não ganha. Time que começa errado, dá tudo errado”, disse o ex-lateral.

A fala de Cicinho foi logo depois que o Flamengo anunciou um acordo com o técnico Vítor Pereira na semana passada. O treinador, que estava no comando do Corinthians em 2022, justificou sua saída do clube devido a problemas de saúde de sua sogra, visando ficar mais próximo de sua família em Portugal.

No entanto, a negociação e a rápida concretização de um acordo com o Rubro-Negro imediatamente após sua saída causaram indignação em parte da torcida corintiana.

O Flamengo disputou sete títulos em 2023: Supercopa, Mundial de Clubes, Recopa, Carioca, Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores. No momento, após perder todos, só resta o Campeonato Brasileiro, onde se encontra na terceira posição.

Reta final

O Corinthians encara seis confrontos diretos e uma série de desafios enquanto luta para evitar o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. Atualmente ocupando a 15ª colocação, o time alvinegro terá pela frente seis adversários cruciais na disputa pela permanência na Série A até o fim do Campeonato Brasileiro atual.

Destes, dois confrontos ocorrerão nas próximas duas rodadas, contra Cuiabá (fora de casa) e Santos (em casa). O Timão também enfrentará Bahia, Vasco, Internacional e Coritiba nas rodadas 35 a 38 do Campeonato Brasileiro.

Além disso, terá pela frente outros oponentes, como Athletico, Red Bull Bragantino, Atlético-MG e Grêmio. No primeiro turno, durante uma sequência de 10 partidas entre as rodadas 10 e 19, o Corinthians conquistou 16 pontos.

Nesse período, o Timão obteve vitórias sobre Santos, Atlético-MG, Vasco e Coritiba, empatou com Cuiabá, Bahia, Internacional e Grêmio, mas sofreu derrotas contra Athletico e Bragantino. Se somarmos os atuais 33 pontos com os 16 pontos conquistados nessa sequência, teríamos a manutenção na Série A.

No entanto, o retrospecto contra os demais concorrentes diretos que o Corinthians enfrentou nos dois turnos foi desfavorável: o time conquistou apenas quatro pontos contra o Cruzeiro, um ponto diante do Goiás e um ponto contra o América-MG.

Comentários estão fechados.