Juca Kfouri não se segura e solta bomba sobre a parceira Corinthians e Vai de Bet

Depois da saída de Rubens Gomes, ex-diretor de futebol do Corinthians, as polêmicas relacionadas ao contrato de patrocínio máster entre clube e Vai de Bet só aumentaram. Agora, o jornalista Juca Kfouri, em sua coluna no portal ‘UOL Esporte’, disse ter provas de que há um intermediário ‘laranja’ no meio deste acordo.

Segundo a reportagem, a empresa Rede Social Media Design Ltda recebeu pagamentos, via pix, do Corinthians, no valor de R$ 700 mil em duas oportunidades. A partir de então, repassou R$ 580 mil e, depois, R$ 462 mil a Neoway Soluções. Enquanto a ‘Rede Social’ é a empresa que intermediou o contrato entre Corinthians e Vai de Bet, a ‘Neoway’ é de origem desconhecida.

Juca cobra explicações de Augusto Melo, e abre chance a pedido de impeachment

Juca Kfouri, em seu blog, explica que a empresa Neoway Soluções Integradas em Serviços Ltda, que recebeu dinheiro da intermediária do contrato entre o Timão e a casa de apostas, possui como sócia Edna Oliveira dos Santos. O problema é que a tal mulher desconhece ser dona dessa compania, e ainda é ‘moradora de uma miserável casa de tijolos, sem reboque ou acabamento, sem eletricidade, em Pirituba’.

Ou seja, como o próprio autor do texto diz, trata-se de um ‘caso clássico de quem faz papel de laranja sem nem sequer ter conhecimento, devido ao uso criminoso de seus dados pessoais’. Edna, aliás, teria ficado muito assustada ao ser abordada sobre o assunto, dizendo viver exclusivamente do Auxílio Brasil.

Por fim, o jornalista pede explicações ao presidente Augusto Melo, dizendo ser possível abrir mais um flanco para um processo de impeachment. Em sua defesa, Juca Kfouri diz que o blog pessoal – a coluna do comunicador no portal ‘UOL Esporte’ – está fartamente documentado.

Comentários estão fechados.